📣 Novidade! Agora somos Pinhos Armazém Agrícola. Alguns artigos poderão ser reencaminhados para o novo website

5 dicas úteis para quem vai viver sozinho pela primeira vez

Seja por que motivo for, todos nós eventualmente passamos uma altura nas nossas vidas em que vivemos sozinhos. Aqui pelo Na Casa sabemos que esta experiência pode ser intimidante para quem nunca passou por isso. Portanto, deixamos-te cinco dicas úteis!
Se vais viver sozinho pela primeira vez, estas dicas irão encaminhar-te no caminho certo

ARTIGO CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO

Na Casa

Artigo pela Equipa Na Casa | Website

«A tua casa merece». Esta pequena frase representa bem a nossa missão. O objetivo principal do Na Casa é dar-te o conhecimento necessário para cuidares da tua casa, para que esta se torne mais tua – mais pessoal, mais próxima de ti e mais fácil de gerir.

Se estás a ponderar, ou em necessidade de, viver sozinho ou sozinha pela primeira vez, questões como “como vou cozinhar boas refeições?” ou “o que fazer se alguma coisa avariar?” devem estar-te a passar pela cabeça.

Bem, não deixes que elas sejam motivo para te impedir de dar este passo tão importante e que é, sem dúvida, um tempo relevante na vida de qualquer pessoa.

Pronto para dar o passo? Vais ficar ainda mais com estas dicas. Vamos lá!

1. Trata das tuas finanças pessoais/domésticas

Mesmo que já faças uma gestão das tuas finanças, os custos podem acumular-se rapidamente (e inesperadamente). Isto aplica-se tanto a compras únicas (como, por exemplo, um sofá novo) como a despesas recorrentes (por exemplo, supermercado).

Com isto em mente, o melhor mesmo é parares e criares um orçamento para todas as tuas despesas que irás ter – incluindo uma “fatia orçamental” para algumas surpresas (que, por norma, são substituições de coisas bastante desgastadas ou arranjo de avarias).

Contas feitas e os números assustam? Não entres em pânico – percorre a lista e vê onde consegues cortar. Existem várias formas de poupar nos vários pontos que a tua lista tem!

Deixamos-te uma lista das despesas mais comuns para te ajudar a planear o teu orçamento perfeito:

  • Renda/prestação da casa
  • Gás
  • Eletricidade
  • Água
  • TV Cabo/Subscrições (Netflix; HBO Max; etc.)
  • Telemóveis/Telefone
  • Internet
  • Supermercado
  • Lavandaria (se aplicável)
  • Condomínio (se aplicável)
  • Roupa/calçado
  • Transportes (se aplicável)
  • Cartões de crédito
  • Estética (cabeleireiros; etc)
  • Outros

Não te esqueças de incluir as tuas outras despesas, como o carro, educação (se aplicável), saúde e lazer.

O lado financeiro é importante. As proverbiais “contas à vida” irão ajudar-te a manter uma vida financeira saudável.

2. Números de emergência

Diferentes emergências requerem diferentes números e uma excelente prática é ter uma lista deles sempre à mão. Seja num caderno ou algures afixado numa parede, deves sempre saber números como: 

  • Senhorio
  • Hospital/farmácia mais próximos
  • Bombeiros locais
  • GNR/PSP
  • Empresa da água e da luz
  • Serralheiro
  • Urgências veterinárias (se tiveres animais de estimação)
  • Se possível, de um dos vizinhos

3. Mantém boas relações com os vizinhos

Estejas numa moradia ou num apartamento, não há nada como manter boas relações com os vizinhos. Todos apreciamos viver numa comunidade relativamente próxima e onde as pessoas são simpáticas, em que as interações necessárias ao dia a dia se baseiam no respeito mútuo e na boa fé. 

Para isto acontecer, não precisas de ser o melhor amigo do teu vizinho. Coisas pequenas, como saber os nomes das pessoas que habitam as casas próximas à tua e manter relações cordiais. 

Isto traz as suas pequenas vantagens para além do bem estar social. Aquela encomenda que não estavas em casa para receber? Talvez alguém consiga receber por ti. As plantas que precisam de atenção durante as férias? Quem sabe, um dia, haja proximidade o suficiente para um dos vizinhos as regar.

(Se o teu vizinho for regar as tuas plantas, partilha com ele este nosso artigo sobre como regar as plantas, assim garantes que ele o faz corretamente!😉)

Com algumas medidas simples consegues ter uma casa segura que te trará maior conforto e, claro, segurança.

4. Prioriza a segurança

É normal, nos primeiros tempos a viver sozinho, que sintas algum desconforto e receio no que toca à segurança. Para te sentires mais confortável, pensa em algumas medidas de segurança. Existem diferentes soluções para casas e apartamentos. Também existem algumas práticas comuns que tornarão a casa mais segura como, por exemplo, não te esqueceres de trancar as portas, principalmente as que estão diretamente viradas ao exterior e ligar o alarme à noite.

É sempre bom também que tenhas alguém de confiança que conheça as tuas rotinas (membro da família, por exemplo) que, no fundo, sirva como alerta caso algo saia demasiado fora do normal, ou possas contactar rapidamente. Lembra-te do ponto 2, ter sempre os números de emergência rapidamente disponíveis.

Dica: caso estejas a viver numa casa/apartamento usado que adquiriste, uma das primeiras coisas que podes fazer é trocar as fechaduras. Assim garantes que ninguém terá uma chave de tua casa.

5. Stock de produtos essenciais

Mantém “à mão” um pequeno stock dos produtos mais comuns.

No que toca a medicamentos, coisas pequenas como medicamentos para as dores de cabeça e de corpo, constipações, etc. Não te esqueças também dos lenços, termómetro e spray desinfetante.

O mesmo se aplica à comida. É sempre bom ter um stock de vários enlatados que têm um prazo de validade grande e te servirão para um “desenrasque” sempre que precisares.

Lembra-te também: fósforos, lanternas e, claro, todos os materiais relacionados com primeiros socorros.

Aproveita e aprende

Viver sozinho é, por norma, uma fase temporária das nossas vidas. Lembra-te de aproveitares este tempo para ganhares novas responsabilidades, aprenderes um gestão doméstica simples e eficaz, pois será uma capacidade que te servirá muito bem para o resto da vida. Aproveita!

Este artigo foi útil?
SimNão

ANÚNCIOS

Últimos artigos

Partilha este artigo

📧 Subscreve a nossa newsletter

Uma gestão doméstica mais fácil com estas dicas gratuitas na tua caixa de e-mail. Sem spam!

ANÚNCIOS

Categorias:

Mais artigos

ANÚNCIOS