Como organizar o frigorífico

Não és só tu que sofres com a organização e limpeza do frigorífico. O problema é que afeta a qualidade e validade dos teus alimentos. Como organizar o frigorífico não é o mais complicado de aprender. O segredo é saber manter essa organização.
Aprende a limpar e organizar o teu frigorífico de forma a facilitar-te a vida

ARTIGO CONTINUA DEPOIS DO ANÚNCIO

Na Casa

Artigo pela Equipa Na Casa | Website

«A tua casa merece». Esta pequena frase representa bem a nossa missão. O objetivo principal do Na Casa é dar-te o conhecimento necessário para cuidares da tua casa, para que esta se torne mais tua – mais pessoal, mais próxima de ti e mais fácil de gerir.

Muitas vezes, não damos o devido valor à organização do frigorífico. Mas organizar o frigorifico é tão importante quanto a limpeza da nossa casa. Evita que percas tempo à procura do que precisas, manténs os alimentos no espaço correto e  aumentas a conservação dos mesmos. Na verdade, este é um espaço ao qual acedemos pelo menos três vezes por dia! Por isso, mantê-lo organizado também é uma boa maneira de não te esqueceres dos alimentos que já tens – o que é excelente para a poupança e para evitar o desperdício.

Antes de organizares o frigorífico

Certifica-te de que tens todo o equipamento que precisas. Deixamos-te uma lista rápida dos materiais que poderás precisar:

  • Proteção de prateleira (opcional)
  • Pano de limpeza
  • Spray de limpeza multiuso
  • Fita métrica
  • Tesoura
  • Organizadores de frigorífico/divisórias de plástico (opcional)
  • Tupperwares/Recipientes

Por onde começar?

Ter um frigorífico organizado é uma mais-valia no dia-a-dia. Não só te fará sentir bem sempre que abrires a porta, como também te vai poupar muito tempo quando preparares uma refeição ou um snack. Ainda que, esta possa parecer uma tarefa assustadora, na verdade é fácil. Se seguires os nossos passos, vais ver que limpar e organizar o teu frigorífico é mais fácil do que parece. O segredo está em manter o esquema de  organização.

1) Primeiro, começa por uma limpeza geral

Antes de mais nada, retira tudo do frigorífico e limpa todas as superfícies. Para uma limpeza rigorosa, podes utilizar um produto de limpeza desinfetante para remover todas as impurezas.
Remove todos os produtos que não precisam de estar no frigorífico. Acredita, há muita coisa que deixamos esquecida e que podemos tirar do frigorífico.
Além disso, certifica-te de que limpas todas as prateleiras e gavetas. Se as conseguires remover por completo, podes lavá-las fora do frigorífico. Assim, consegues chegar aos locais mais difíceis.

2) Ajusta as prateleiras

Todos temos hábitos de compra e fidelizámos-nos a certas marcas. Por isso, está na hora de aproveitares as gavetas e prateleiras ajustáveis que vêm na maioria dos frigoríficos. Normalmente, já sabemos mais ou menos o que vamos comprar. Desta forma, podemos ajustar o frigorífico às dimensões das embalagens e dos nossos produtos favoritos.

Assim, podes também organizar o frigorífico de forma a que as mesmas coisas fiquem sempre no mesmo sítio. Por exemplo, na porta manter as gavetas distanciadas para as garrafas. Ou as prateleiras à medida dos iogurtes. Deste modo, os produtos que precisas estão sempre no mesmo sítio. Isto vai-te ajudar a chegar a eles rapidamente, sempre que precisares.

3) Facilitar limpezas futuras

A verdade é que não somos grandes adeptos de forros mas são uma boa ajuda. Usar um forro de prateleiras, resistente à água, vai facilitar muito a limpeza no futuro. O mesmo é verdade para as gavetas. Embora não seja um passo obrigatório, ajuda na limpeza de materiais pegajosos e líquidos.

4) Agrupar produtos

Tal como organizas o teu armário da roupa, também deves organizar o frigorifico. Por exemplo, agrupa os condimentos, os molhos para as saladas e outros produtos semelhantes. Podes utilizar etiquetas para te orientares.

Em suma, nas portas podes armazenar produtos como condimentos, sumos, águas e molhos. Por outro lado, as prateleiras de baixo são o espaço mais fresco do teu frigorífico. Assim, neste espaço podes guardar comida, ovos, lacticínios, charcutaria e outros produtos que precisem de maior frio.

5) Ordem de chegada

Esta é a mais óbvia, mas importante. Primeiro, os produtos que usas mais vezes. Assim, evitas ter que remexer o frigorífico, sempre que precisas destes. À medida que vais reabastecendo o stock, mantém os produtos mais antigos à frente. Desta forma, evitas que alimentos que compraste há mais tempo fiquem esquecidos na parte de trás do frigorifico. Logo, evitas que percam a validade.

6) Organizar tipo puzzle

Sempre que possível podes encaixar embalagens umas nas outras. Por exemplo, as latas de refrigerantes e cerveja. Na verdade, existem moldes que podes comprar para te ajudar a mantê-los amontoados no mesmo sítio. Assim, é mais fácil tirar sempre que precisas! Utiliza estes moldes, mas não caias na tentação de encher demais o frigorífico por teres este espaço novo. Na verdade, não convém ter o frigorífico nem muito cheio, nem muito vazio. Mas organizado!

7) A temperatura

Esta dica é bastante importante. Acredita-se que o frigorifico deve estar a temperaturas bastante baixas para manter os alimentos frescos. Certo! Mas não muito baixas!

A verdade é que as temperaturas demasiado baixas podem eliminar os nutrientes dos teus alimentos e até congelá-los. Acima de tudo, o frigorifico deve estar numa temperatura entre os 3ºC e os 5ºC. As temperaturas baixas evitam o aparecimento de bactérias e micróbios.

Por outro lado, não enchas demasiado o teu frigorífico. Desta forma, não conseguirá manter a temperatura ideal. E para além disso, gasta muito mais eletricidade. Muitas vezes, temos alimentos no frigorífico desnecessariamente e de forma errada. Consulta este artigo se quiseres saber que alimentos não deves colocar no frigorífico.

 

Um frigorífico demasiado vazio acaba por não ser eficiente no uso da energia
Um frigorífico demasiado vazio não permite um uso eficiente da energia. O ideal é mantê-lo num meio termo. Como sempre, no meio está a virtude!

Dicas úteis para manteres o teu frigorífico organizado

 

Nem muito vazio, nem muito cheio

Se o teu frigorífico está demasiado cheio é sinal de que tens produtos a mais. Isto é mau, pois é provável que te esqueças de algum alimento lá dentro. Por outro lado, como já vimos, o frigorífico cheio, aumento o gasto de energia. Reduz também a eficiência energética, porque impede a circulação de ar e bloqueia a ventilação. Ou seja, frigoríficos muito cheios… não!

Leites e ovos fora da porta

A porta do frigorífico é uma das zonas mais quentes. O melhor é manter na prateleira do meio, uma zona com temperatura fria mais constante. Na porta, podes colocar os condimentos e água. Esta parece controversa, sendo que há frigoríficos com compartimentos específicos para ovos nas portas. Mas acredita no Na Casa. Ovos fora da porta.

Cada macaco no seu galho

Como já referimos, há zonas do frigorífico específicas para cada tipo de alimento. Por exemplo, só existem dois lugares para a carne – o congelador e a última prateleira. Estes são os locais mais frescos. Tem em atenção que, muitas vezes, a carne pode verter líquidos. Para evitares uma prateleira suja, coloca-a num recipiente de vidro ou uma base por baixo.

Concluindo

Adapta a organização do teu frigorífico ao teu estilo. Ninguém melhor do que tu para saberes o que precisas!

Por fim, as dicas são (quase) sempre as mesmas:

  • Alimentos que precisam de mais frio nas zona mais baixa do frigorífico
  • Organizar os alimentos por tipo de alimento
  • Não misturar vegetais e frutas, e mantê-los sempre nos seus devidos compartimentos (quando existirem)
  • O frigorífico deve estar sempre limpo e fresco
  • Os produtos que usas com mais frequência devem estar na parte mais acessível
  • Manter a organização do frigorífico

E por aí fora! Agora, podes seguir esta base e adaptar o teu frigorífico às tuas necessidades. Em suma, mantém sempre a tua comida fresca e saudável. Assim, evitas desperdícios e perdas de tempo a limpar.
Por fim, não te esqueças: adicionar a limpeza do frigorífico à tua rotina de limpezas. Esta é uma boa ideia para nunca te esqueceres desta parte tão importante e usada da tua casa.

Este artigo foi útil?
SimNão

ANÚNCIOS

Últimos artigos

Partilha este artigo

📧 Subscreve a nossa newsletter

Uma gestão doméstica mais fácil com estas dicas gratuitas na tua caixa de e-mail. Sem spam!

ANÚNCIOS

Categorias:

Mais artigos

ANÚNCIOS